Mercado

Mercado financeiro hoje e Morning Call Safra: apresentação de arcabouço fiscal e taxa de desemprego na agenda

Nos Estados Unidos, serão divulgadas a produção industrial e expectativas inflacionárias

Painel de cotação. Foto: Adobe Stock
Bolsa de valores: apresentação de arcabouço fiscal ao presidente Lula é monitorado pelos investidores. Foto: Adobe Stock

Por Redação B3 Bora Investir

A maior expectativa dos investidores nesta sexta-feira, 17/03, é com a apresentação do novo arcabouço fiscal pela equipe econômica ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em reunião às 15h.

A agenda traz ainda a taxa de desemprego no trimestre até janeiro pela Pnad Contínua, às 9h, e a Secretaria de Política Econômica (SPE) divulga a primeira grade de parâmetros econômicos do governo Lula às 14h15, por meio do Boletim Macrofiscal de 2023 e a versão atualizada do Panorama Macroeconômico.

Nos Estados Unidos, tem a produção industrial e as expectativas inflacionárias medidas pela Universidade de Michigan em março. Ambas serão divulgadas às 10h15.

No exterior

Wall Street reagiu com alta significativa ontem ante um resgate do First Republic Bank por um grupo de 11 instituições financeiras. Os gigantes JPMorgan Chase, Bank of America, Citigroup e Wells Fargo, entre outros, prometeram injetar US$ 30 bilhões no banco regional americano que vinha enfrentando dificuldades desde a recente quebra do Silicon Valley Bank (SVB) e do Signature Bank.

Nas bolsas europeias, a desconfiança com o Credit Suisse continua, mesmo após o banco suíço ter conseguido uma linha de crédito de mais de US$ 50 bilhões do governo. O Credit Default Swap (CDS) do conglomerado, instrumento financeiro que investidores usam para se proteger de calotes, bateu ontem máximas históricas.

As bolsas asiáticas fecharam em alta nesta sexta-feira, acompanhando um rali em Wall Street após um grupo de grandes bancos dos EUA oferecer ajuda financeira ao First Republic Bank, numa tentativa de impulsionar a confiança no sistema bancário. O índice Hang Seng avançou 1,64% em Hong Kong, enquanto o japonês Nikkei subiu 1,20% em Tóquio, o sul-coreano Kospi teve alta de 0,75% em Seul, e o Taiex se valorizou 1,52% em Taiwan. Na China continental, o Xangai Composto registrou ganho de 0,73%.

No Brasil

O bom humor moderado no exterior pode ajudar o Ibovespa nesta sexta-feira, a cinco dias das decisões sobre juros do Comitê de Política Monetária (Copom) e do Comitê de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês).

Pode ajudar a melhorar ainda mais o apetite a risco local o aval do presidente Lula ao novo arcabouço fiscal. As linhas gerais da proposta já foram apresentadas ao presidente, mas o detalhamento e a validação dos parâmetros devem ocorrer hoje.

Após cinco sessões seguidas de queda, o Ibovespa voltou a ter um dia positivo na sessão de ontem. A aversão ao risco dos investidores melhorou devido a fatores externos que ditaram o humor dos mercados ao longo da semana. Ontem os maiores bancos dos Estados Unidos se juntaram para injetar capital no First Republic Bank para evitar que a instituição seja a terceira a quebrar por lá em menos de uma semana. Acompanhe no Morning Call Safra:

Para saber ainda mais sobre investimentos e educação financeira, não deixe de visitar o Hub de Educação da B3.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.