Investir melhor

Que tal aproveitar o 13º para fazer seu dinheiro render por meio de investimentos?

A primeira parcela do 13º deve ser paga até o final de novembro. Programe-se para investir esse dinheiro

Homem acessando o site do Tesouro Direto em um notebook.
No simulador é possível estudar cenários de duas maneiras: de acordo com seus prazos e objetivos e de acordo com o título escolhido.

Por Daniela Frabasile

Quem nunca deixou para cumprir uma promessa de ano novo em dezembro, que atire a primeira pedra. Se a sua meta era começar a investir ou investir melhor o seu dinheiro, temos uma boa notícia. Com a chegada do fim do ano, se aproxima também o pagamento do décimo terceiro salário. A primeira parcela da bonificação deve cair até o dia 30 de novembro, e a segunda, até o dia 20 de dezembro. Que tal usar esse dinheiro extra para cumprir a meta de 2023 e investir esse dinheiro?

Uma das várias opções é a de investir em títulos do Tesouro Direto, já que o cenário ainda é positivo para a renda fixa no Brasil. Apesar de o Banco Central ter começado a reduzir a taxa Selic, que hoje está em 12,25%, os títulos ainda pagam juros reais elevados.

“Hoje, vemos oportunidade de alocação em títulos prefixado mais curtos, para clientes com perfil mais arrojado, e também temos gostado bastante dos ativos IPCA+, que pagam juros reais. Esses títulos estão oferecendo rendimentos elevados na comparação com a média histórica, e ainda protegem o investidor de um possível descontrole da inflação”, afirma André Fialho, analista de Renda Fixa da Genial.

A seguir, te explicamos um pouco mais sobre como funciona modalidade de investimento.

Quais são os títulos do Tesouro Direto

Tesouro Selic

O Tesouro Selic é um título pós-fixado, com sua rentabilidade atrelada à taxa básica de juros do Brasil. Esse é um tipo de investimento mais conservador, indicado por exemplo para compor a reserva de emergência.

“Por ser um título pós-fixado, ele vai acompanhar a rentabilidade da Selic, que não é constante. A cada reunião do Copom, a Selic pode ser alterada”, diz Nayra Sombra, sócia da HCI Invest e planejadora financeira CFP pela Planejar.

Hoje, o Tesouro Direto oferece dois vencimentos para o Tesouro Selic: 2026 e 2029. Mas vale lembrar que no caso dos papéis pós-fixados, o vencimento não precisa ser uma grande preocupação do investidor. Isso porque, se tiver se resgatar antes do prazo, esse tipo de título não sofre com grande volatilidade da marcação a mercado.

TítuloRentabilidade anualInvestimento mínimoVencimento
TESOURO SELIC 2026SELIC + 0,0341%R$ 140,4101/03/2026
TESOURO SELIC 2029SELIC + 0,1653%R$ 139,3001/03/2029
Fonte: Tesouro Direto (08/11/2013)

Tesouro IPCA+

Os títulos do Tesouro Direto do tipo IPCA+ são híbridos entre pré e pós-fixados. “O IPCA é o nosso índice de inflação, então o título vai pagar a inflação do período mais uma taxa real”, explica Nayra Sombra.

Hoje, a taxa prefixada desses títulos varia entre 5,71% e 5,87%, a depender do prazo. Segundo Fialho, são taxas elevadas e que representam uma boa oportunidade aos investidores. Além disso, o IPCA+ ajuda a proteger a carteira do investidor contra a inflação. Ou seja, se a inflação subir, o rendimento do título também aumenta.

No caso do IPCA+, no entanto, é preciso tomar cuidado com o vencimento. Isso porque, em caso de resgate antecipado, o investidor estará sujeito à marcação a mercado. O preço desses títulos tem maior volatilidade do que o Tesouro Selic, e se o investidor quiser tirar seu dinheiro antes do vencimento, pode receber menos do que investiu. E quanto maior o prazo do título, maior a volatilidade do preço de mercado.

Se a ideia é manter o dinheiro até o fim, a rentabilidade recebida será igual àquela contratada: a variação do IPCA no período e mais a taxa prefixada.

TítuloRentabilidade anualInvestimento mínimoVencimento
TESOURO IPCA+ 2029IPCA + 5,71%R$ 30,6615/05/2029
TESOURO IPCA+ 2035IPCA + 5,66%R$ 44,2215/05/2035
TESOURO IPCA+ 2045IPCA + 5,85%R$ 36,8615/05/2045
TESOURO IPCA + com juros semestrais 2032IPCA + 5,69%R$ 40,0515/08/2032
TESOURO IPCA + com juros semestrais 2040IPCA + 5,80%R$ 43,0915/08/2040
TESOURO IPCA + com juros semestrais 2055IPCA + 5,87%R$ 43,6515/05/2055
Fonte: Tesouro Direto (08/11/2013)

Tesouro prefixado

No caso dos títulos prefixados, o investidor já sabe exatamente o quanto vai receber no vencimento do título. O Tesouro hoje oferece taxas de 10,63% a 11,34%, também a depender do prazo.

“Os prefixados são indicados em um cenário de queda das taxas de juros, como está acontecendo agora. A expectativa é que a Selic continue caindo, e por isso, os títulos prefixados vão garantir uma rentabilidade melhor no longo prazo”, explica Nayra Sombra. No entanto, ela lembra que essa rentabilidade vista na hora da aplicação só é garantida caso o investidor segure o título até o vencimento. Isso porque o preço do papel oscila a depender da expectativa do mercado sobre a Selic. “Se a gente sair antes do investimento, pode ter um ágio ou deságio no valor do título. Por isso, são indicados os vencimentos mais curtos”, diz ela.

Segundo Fialho, como esses títulos têm volatilidade mais alta, são indicados para quem tem perfil mais agressivo. “Para nós, essa é uma posição tática, para a possibilidade de a Selic ser mais baixa do que o mercado precifica hoje”, diz.

TítuloRentabilidade anualInvestimento mínimoVencimento
TESOURO PREFIXADO 202610,63%R$ 32,1801/01/2026
TESOURO PREFIXADO 202911,16%R$ 34,8701/01/2029
TESOURO PREFIXADO com juros semestrais 203311,34%R$ 38,5501/01/2033
Fonte: Tesouro Direto (08/11/2013)

Para continuar aprendendo sobre finanças pessoais, que tal ter acesso a um material completo? Confira o Hub de Educação da B3 que disponibiliza um curso gratuito de finanças pessoais!

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias