Ações

15 ações que pagaram dividendos acima da Selic no último ano

Dividendos com bom Dividend Yield são formas de rentabilidade em renda variável

Gráficos de investimentos. Foto: Adobe Stock
O patamar atual da Selic costuma favorecer investimentos de renda fixa, mas também há boas oportunidades na renda variável. Foto: Adobe Stock

Por João Paulo dos Santos

Na última quarta-feira, 26, o Copom decidiu manter a Selic, taxa básica de juros no Brasil, em 13,75%. Este patamar costuma favorecer investimentos de renda fixa, mas também há boas oportunidades na renda variável nesse cenário da economia.

Uma das estratégias para lucrar na renda variável é investir em ações de empresas que pagam bons dividendos. Para isso, a empresa precisa apresentar bons resultados, já que todas as empresas brasileiras listadas na B3 que registram lucro têm obrigação de distribuir, no mínimo, 25% desse valor aos seus acionistas. Mas a fatia pode até ser maior, se a empresa decidir.

Para descobrir ações que pagam bons dividendos, uma das estratégias é avaliar o Dividend Yield daquela empresa — uma expressão inglesa que traduzida literalmente significa rendimento do dividendo. Trata-se de um índice criado para medir a rentabilidade dos dividendos de uma empresa em relação ao preço de suas ações.

Com base nessas informações separamos para você as 15 ações com maiores Dividend Yield, acima da Selic, nos últimos 12 meses. O levantamento exclusivo feito pelo TradeMap para o B3 Bora Investir levou em consideração as ações que tiveram volume financeiro médio diário superior a R$ 1 milhão na bolsa de valores brasileira. 

Confira as 15 ações que pagaram dividendos acima da Selic no último ano:

EmpresaSegmento CódigoDividend Yield  nos últimos 12 meses até 26/Out/22 (%)Volume financeiro médio diário em 12 meses R$ (000)
Syn Prop TechExploração de imóveisSYNE371,072117
Petrobras (PN)Exploração refino e distribuiçãoPETR458,002985071
Petrobras (ON)Exploração refino e distribuiçãoPETR356,77827377
Unipar (PNB)Químicos diversosUNIP621,8920598
Unipar (ON)Químicos diversosUNIP319,732305
Gerdau Met (ON)SiderurgiaGOAU319,061107
Gerdau Met (PN)SiderurgiaGOAU417,9188136
Banco BMGBancosBMG416,492571
BraskemPetroquímicosBRKM516,2197958
BrasilagroAgriculturaAGRO316,0615467
Bradespar (PN)Minerais metálicosBRAP415,0180368
CPFL EnergiaEnergia elétricaCPFE314,9484164
Taesa (PN)Energia elétricaTAEE414,412185
Bradespar (ON)Minerais metálicosBRAP314,402436
Taesa (UNT N2)Energia elétricaTAEE1114,3580040
Ações com Dividend Yield superior à Selic de 13,75%, com volume financeiro médio diário em 12 meses na bolsa de valores superior a R$ 1 milhão. Fonte: Levantamento TradeMap

Como pôde ser visto, a Syn Prop Tech, empresa do setor imobiliário ligada à Cyrela, encabeça a lista com um Dividend Yield de 71,07% nos últimos 12 meses. Ela é seguida pelas ações PN e ON da Petrobras.

Na relação também se destaca os setores ligados às commodities, como refino, petróleo, minério e outros químicos, assim como siderurgia. Com 4 ações na lista, o setor de energia elétrica também se sobressaiu.

Apesar de retratar as melhores ações pagadoras de dividendos no último ano, há garantias que essa taxa permanecerá para todas as empresas. Para que os valores continuem os mesmo, precisa-se que:

  • A política de distribuição de dividendos das empresas mantenha-se igual;
  • O lucro da companhia dos últimos 12 meses se repita nos próximos 12 meses.

Quer saber mais sobre o mercado de ações? Confira os cursos gratuitos da B3 sobre dividendos.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias