ESG

ICBIO B3: conheça o novo índice da bolsa

Novidade permite mais produtos e orientações a investidores

Linhas de gráfico numa tela de computador
A Bolsa de Valores divide suas ações em setores baseados na atuação das empresas na economia real. Foto: Adobe Stock

Com o intuito de dinamizar o mercado de Crédito de Descarbonização (CBIO), a B3 anunciou o lançamento do Índice de Crédito de Descarbonização (ICBIO B3). A partir de agora, será possível criar produtos financeiros referenciados pelo novo índice, como ETFs. A novidade também vai ao encontro de novos produtos e serviços de ESG, cada vez mais presentes no mercado.

O Crédito de Descarbonização (CBIO) é um dos instrumentos adotados pela Política Nacional de Biocombustíveis (RenovaBio); trata-se de um ativo emitido por produtores e importadores de biocombustíveis.

Já os distribuidores de combustíveis fósseis têm metas anuais de descarbonização, definidas pela Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas de 2015 (COP 21) e calculadas de acordo com a quantidade de combustíveis fósseis que produzem. O único modo de atingir as metas é por meio da compra de CBIOs. Cada CBIO corresponde a uma tonelada de CO₂ que deixou de ser produzida.

Em 2021, emissões de mais de 30 milhões de CBIOs foram registradas na B3. Desse total, 24 milhões foram aposentados para o cumprimento da meta de descabornização do ano. Até junho de 2022 foram registrados 15,12 milhões de CBIOs, com 3,94 milhões de CBIOs aposentados.

Como o ICBIO B3 é calculado?

A metodologia de cálculo do ICBIO B3 é baseada na variação de preço dos CBIOs negociados na bolsa, pelo volume e quantidade de negócios. Ela ainda possui filtros que asseguram a amostra de preços e afasta o risco de manipulação do mercado.

Para que as oscilações de preço em determinado dia sejam incorporadas, é preciso atender uma de duas condições:

  • o volume e número de negócios deve ser maior que o observado em 80% dos dias nos últimos 252 dias úteis
  • a variação do índice deve ficar dentro do intervalo de dois desvios padrão da média da oscilação nos últimos 252 dias úteis

Se nenhuma condição se verificar, as variações de preço daquele dia não são computadas e o índice repete a pontuação do dia anterior.

Ao contrário dos índices de ações da B3, a carteira do ICBIO B3 não passa por renovação ou reponderação, devido ao fato de possuir um único ativo.

O ICBIO B3 pode ser acompanhado uma vez ao dia, pela manhã, na página Índices On Demand, sempre considerando as negociações de CBIO do dia útil anterior.

O que é o Índices On Demand?

Outra novidade da B3, o Índices On Demand é uma plataforma de criação de índices; pelo uso de ferramentas avançadas de Big Data e o método Ágil nos processos, a solução permite maior rapidez no desenvolvimento de indicadores. O ICBIO B3 é o primeiro produto do Índices on Demand.

A criação de novos índices permite que participantes do mercado lancem novos produtos, como ETFs e derivativos. Ao mesmo tempo, os investidores ganharão referências sobre diferentes segmentos do mercado e da economia brasileira, tornando claras novas opções de investimentos e oportunidades de diversificação da carteira.

“O Índices on Demand é o primeiro passo para tornar a B3 referência no desenvolvimento de índices. Com a nova plataforma, estamos mais próximos dos nossos clientes e de suas demandas”, afirma Henio Luiz Scheidt, gerente de produtos da B3.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias