Notícias

Ibovespa fecha em queda puxada por Vale e Raízen; BRF impede mais perdas

O principal índice da bolsa encerrou em menos 1,20%, aos 112.073 pontos

Números positivos e negativos na tela
Ainda está no radar dos investidores a divulgação do Copom. Foto: Adobe Stock

Por Redação B3 Bora Investir

A Bolsa do Brasil (B3) registrou queda no primeiro pregão de fevereiro. O Ibovespa fechou em menos 1,20%, aos 112.073 pontos.

O mau desempenho foi puxado pela Vale (VALE3), que recuou 1,50% após a mineradora reportar que a produção de minério de ferro ficou abaixo da meta. Outro destaque negativo foi a Raízen (RAIZ4), que teve queda ontem e no pregão de hoje após anúncio de que um de seus principais acionistas, Louis Dreyfus Commodities (LDC), deve fazer uma venda de ações em bloco, o chamado block trade. O caso foi divulgado pelo Brazil Journal.

Já a BRF (BRF3) impediu que o Ibovespa registrasse perdas maiores. Os papeis da companhia de alimentos acumularam queda de mais de 15% em 2023. Hoje, porém, tiveram alta de 13% após queda nos preços do frete marítimo e expectativa de que a China, grande importadora de proteína animal, logo retome a normalidade de suas atividades econômicas.

Ainda está no radar dos investidores a divulgação do Copom, que tradicionalmente ocorre após o fechamento do mercado. Também contribuiu para a cautela dos investidores ao longo do dia as expectativas acerca da eleição para o novo presidente do Senado – Rodrigo Pacheco, nome defendido pelo presidente Lula, teve sua reeleição anunciada no fim do dia.

O dia também foi marcado pela divulgação da nova taxa de juros nos Estados Unidos. O Fed, banco central norte-americano, elevou a taxa básica de juros em 0,25%, para o intervalo entre 4,50% e 4,75%. Apesar do aumento, o ritmo do aperto monetário diminuiu – houve elevação de 0,5 p.p. em dezembro e quatro aumentos 0,75 p.p. antes disso. Em entrevista à imprensa, o presidente do Fed, Jerome Powell, afirmou que há indícios de queda de preços, mas que ainda é cedo para falar em inflação controlada.

Tais notícias animaram os índices de Nova York. Dow Jones acumulou ganho de 0,15% e Nasdaq encerrou aos 2% positivos. O efeito também foi sentido no dólar, que encerrou com baixa de 0,32%, cotado a R$ 5,060 na compra e R$ 5,061 na venda.

Entre os dados recentes divulgados pelos Estados Unidos, estão os referentes ao aumento do estoque de petróleo, que subiu na semana passada para os níveis mais altos desde junho de 2021, conforme reportado pela Reuters. Com isso, o barril Brent (março) registrou queda de 3,07%, cotado a US$ 82,84, e WTI (março) foi desvalorizado em 3,12%, a US$ 76,41.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias