Notícias

Fed desacelera ritmo de aperto e sobe juros em 0,25 ponto percentual

Inflação americana mais controlada respaldou a decisão do BC americano. Federal Reserve, no entanto, sinalizou novos aumentos para levar a inflação para a meta de 2%

Brasão do sistema de reserva federal dos Estados Unidos
O índice (CPI, na sigla em inglês) subiu 0,5% em janeiro, maior alta em três meses. Foto: Adobe Stock

Por Redação B3 Bora Investir

O Federal Reserve (Fed) elevou a taxa básica de juros dos Estados Unidos em 0,25 ponto percentual – para o intervalo entre 4,50% e 4,75%. A desaceleração no ritmo do aperto monetário já era esperada pelo mercado. O movimento menor veio após um aumento de 0,5 p.p. em dezembro e quatro aumentos 0,75 p.p. antes disso.

No comunicado, após a decisão, BC americano deixou claro que novas altas serão necessárias para levar a inflação para a meta de 2%.

“O Comitê antecipa que os aumentos em curso na faixa da meta serão apropriados para atingir uma postura de política monetária suficientemente restritiva para retornar à inflação para 2% ao longo do tempo”, afirmou a autoridade monetária.

Desde março de 2022, início do ciclo de aperto monetário nos Estados Unidos, o FED já aumentou os juros em 4,50 pontos percentuais para combater a inflação mais elevada em 40 anos. Em dezembro do ano passado, após meses de avanço, a inflação deu uma trégua no país – o que reforçou o argumento de diminuir o ritmo de altas.

+ Inflação controlada: como os Bancos Centrais definem a taxa de juros?

O presidente do Fed, Jerome Powell, afirmou durante uma entrevista à imprensa após a decisão, que o banco central precisa de mais evidências de que a inflação está caindo para ter confiança que a trajetória descendente é sustentada. Disse ainda, que os preços caíram nos últimos três meses, mas ainda é cedo para falar em inflação controlada.

“Vemos efeito do aperto monetário na demanda de vários setores, principalmente no setor imobiliário”, disse.

Apesar da inflação ter começado a ceder e a atividade econômica tenha dado sinais de desaceleração, o mercado de trabalho segue firme – o que impõem ao Fed seguir com o aperto monetário, mesmo que menor. Em novembro do ano passado, a economia americana criou mais empregos do que o previsto.

“Há melhoras, mas o mercado de trabalho segue resiliente. Portanto há ainda mais trabalho a fazer. Manteremos o curso até que o trabalho seja concluído”, conclui Powell.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias