Notícias

Mercado financeiro hoje: noticiário corporativo e dívida pública estão no radar

No Brasil, um dia antes do desfecho do Copom, saem o relatório Focus, o IGP-M de janeiro, números do Caged e o Tesouro divulga Plano Anual de Financiamento (PAF) de 2024

dívida pública; dinheiro, real. Foto: José Cruz/Agência Brasil
O conceito de dívida pública significa quanto um governo deve, seja ele municipal, estadual ou federal. Contudo, quando ouvimos falar de dívida pública nos noticiários é geralmente sobre a Dívida Pública Federal (DPF). Foto: José Cruz/Agência Brasil

Por Redação B3 Bora Investir

A agenda desta terça-feira, véspera de decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central americano), traz as projeções econômicas do Fundo Monetário Internacional (FMI), o relatório Jolts de abertura de vagas nos Estados Unidos em dezembro, além dos balanços da Microsoft e da Alphabet.

No Brasil, um dia antes do desfecho do Copom, saem o relatório Focus, o IGP-M de janeiro, números do Caged e o Tesouro divulga Plano Anual de Financiamento (PAF) de 2024.

EUA e Zona do Euro

A cautela prevalece em Nova York nesta terça-feira diante da expectativa com a decisão do Fed amanhã e antes de balanços de gigantes como a Alphabet. Já na Europa, o sinal positivo predomina, mas a Bolsa de Frankfurt mostra menos fôlego após o Produto Interno Bruto (PIB) da Alemanha cair 0,3% no quarto trimestre de 2023 ante os três meses anteriores, em linha com a expectativa de analistas.

O PIB da zona do euro ficou estável no quarto trimestre de 2023, na margem, e surpreendeu analistas, que previam queda de 0,1%. Com a estabilidade, o bloco evitou entrar em recessão técnica no fim do ano passado, depois de sua economia encolher 0,1% no terceiro trimestre.

Empresas e dívida pública

O mercado deve ficar de olho no noticiário corporativo, em especial com a divulgação dos números de produção e vendas da Vale, além da captação da Energisa e o anúncio da B3 sobre a Gol.

O mercado estará atento também ao PAF de 2024. Segundo a Warren Investimentos, o financiamento da dívida pública em 2024 deve exigir do Tesouro a captação de R$ 1,42 trilhão de forma a manter o colchão de liquidez constante. E o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, disse ontem que o debate sobre o cumprimento da meta fiscal em 2024 será trabalhado com o apoio do Congresso Nacional e do Poder Judiciário.

Ontem, o pregão foi marcado pela cautela dos investidores diante dos próximas medidas dos banco centrais dos países sobre as taxas de juros. Assim, o Ibovespa registrou queda de 0,36%, aos 128.502,66 pontos. Na última sexta, o índice fechou em alta e anotou ganho semanal

dólar, por outro lado, iniciou o dia com desvalorização ante o real, mas passou a subir após se valorizar diante de pares globais. A moeda norte-americana encerrou o pregão cotada a R$ 4,9459.

Gostou desse conteúdo e quer saber mais sobre investimentos? Faça os cursos gratuitos no Hub de Educação Financeira da B3!

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias