Notícias

Musk X Zuckerberg: rivalidade entre os bilionários vai além da nova rede social Threads

Ações da Meta avançaram 3% no dia do lançamento da nova rede social de Mark Zuckerberg. Threads vai rivalizar com o Twitter, de Elon Musk

Montagem com Mark Zuckerberg, dono da Meta, e Elon Musk, dono do Twitter — Foto / Reprodução: Canal Youtube BBC News Brasil e Facebook respectivamente.
Montagem com Mark Zuckerberg, dono da Meta, e Elon Musk, dono do Twitter — Foto / Reprodução: Canal Youtube BBC News Brasil e Facebook respectivamente.

As primeiras horas de vida da plataforma ‘Threads’, nova rede social lançada pela Meta de Mark Zuckerberg, mostrou que a ‘briga’ pela hegemonia no mundo dos posts apenas começou.

Desenvolvida pela mesma equipe do Instagram, a rede ultrapassou a marca de 10 milhões de usuários em menos de um dia, segundo um post de Zuckerberg. E isso inclui o perfis de famosos como as cantoras Ivete Sangalo, Anitta e Shakira, além de empresas como Netflix e American Airlines.

Os especialista em tecnologia afirmam que o rápido crescimento do Threads mostra que a Meta acertou em atrelar a nova rede social ao Instagram. Logo ao entrar no Threads, o aplicativo puxa informações básicas do usuário – como nome, foto e conexões. Assim não é preciso abrir uma nova conta.

Antes mesmo do lançamento, as ações da Meta fecharam a quarta-feira, 05/07, em alta de 3% na Nasdaq, bolsa de tecnologia dos Estados Unidos. O resultado superou os ganhos de empresas rivais de tecnologia, além do próprio índice que fechou em queda de 0,18%.

O preço-alvo de compra dos papéis da Big Tech também subiram de US$ 280 para US$ 335, segundo corretoras que operam no mercado americano.

“Os investidores não podem deixar de se animar um pouco com a perspectiva de que a Meta realmente tenha um ‘assassino do Twitter’ pronto para ser lançado na loja de aplicativos”, disse à Forbes o chefe de análise financeira da plataforma de investimentos AJ Bell, Danni Hewson.

O que é Threads e como usar

O Threads já está disponível no Brasil e em mais de 100 países. A rede social já está disponível para Android e iPhone (iOS). Vinculado ao Instagram, o aplicativo já pode ser baixado gratuitamente na App Store e na Google Play Store.

O aplicativo permite que usuários publiquem textos curtos e participem de conversas públicas. Os posts podem ter até 500 caracteres, além de links, fotos e vídeos de até 5 minutos.

Uma disputa em torno da regulação sobre empresas de tecnologia na União Europeia impediu que o Threads fosse lançado no bloco. Não há prazo para que esse impasse seja resolvido.

Threads (Mark) x Twitter (Musk)

O caminho para chegar aos 300 milhões de usuários do Twitter– comprado e administrado pelo bilionário Elon Musk – ainda é longo.

No entanto a disputa entre as duas redes ganha contornos de comédia diante da rivalidade e do ‘superego’ dos seus donos Zuckerberg e Musk. Mark Zuckerberg fez a seu primeiro tweet em mais de 10 anos para lançar a nova rede social. Na publicação, ele ironiza a semelhança entre as duas plataformas usando um meme do Homem-Aranha.

Elon Musk não deixou por menos e logo respondeu: “É infinitamente preferível ser atacado por estranhos no Twitter, do que se entregar à falsa felicidade de esconder a dor no Instagram”.

No fim do mês passado, Musk desafiou Zuckerberg para uma luta em resposta a um tweet sobre um suposto plano da Meta de criar o Threads.

Fortunas de bilhões

Os executivos da Meta e do Twitter também travam uma batalha no valor de suas fortunas.

Elon Musk ainda é a pessoa mais rica do mundo, posição que também ocupou em grande parte de 2022, segundo o ranking da revista Forbes. O CEO da Tesla e dono do Twitter tem uma fortuna estimada em US$ 237,7 bilhões.

Mark Zuckerberg está mais no fim do Top 10. Na 9ª posição, o mandatário da Meta acumula ganhos de US$ 101,8 bilhões.

Confira a lista dos homens mais ricos do mundo:

1º) Elon Musk

US$ 237,7 bilhões

Tesla, SpaceX, Twitter

2º) Bernard Arnault

US$ 231,9 bilhões

LVMH, bens de luxo

3º) Jeff Bezos

US$ 153 bilhões

Amazon

4º) Larry Ellison

US$ 149,2 bilhões

Oracle

5º) Bill Gates

US$ 119,3 bilhões

Microsoft, investimentos

6º) Warren Buffett

US$ 111,9 bilhões

Berkshire Hathaway

7º) Steve Ballmer

US$ 104 bilhões

Microsoft, investimentos

8º) Larry Page

US$ 102,2 bilhões

Google

9º) Mark Zuckerberg

US$ 101,8 bilhões

Facebook

10º) Carlos Slim Helu

US$ 101,4 bilhões

Telecomunicações, investimentos

*Com informações da Bloomberg e Forbes

Quer começar a investir, mas não sabe como? Confira os conteúdos gratuitos do Hub de Educação Financeira da B3 sobre educação financeira.