Notícias

Rainhas da Bolsa conta história das primeiras mulheres que trabalharam na bolsa do Kuwait

Rainhas da Bolsa é a primeira produção do país árabe na plataforma de streaming. Acesse e conheça a série!

As Rainhas da Bolsa, série da Netflix sobre as primeiras mulheres que trabalharam na bolsa do Kuwait. Foto: Divulgação/ Netflix
As Rainhas da Bolsa, série da Netflix sobre as primeiras mulheres que trabalharam na bolsa do Kuwait. Foto: Divulgação/ Netflix

Por Marília Almeida

Buscando inspiração para desbravar mais o mundo dos investimentos e aumentar a sua independência financeira? O Bora Investir recomenda assistir a série Rainhas da Bolsa, lançada pela Netflix em fevereiro.

Baseada em fatos reais, ela conta a história de Farida e Munira, as primeiras mulheres a trabalharem no mercado de ações do Kuwait. Os seis capítulos da primeira temporada mostram os desafios enfrentados por elas para atuar em uma indústria dominada por homens.

+Mulheres: 5 dados que mostram o perfil das investidoras na bolsa

Na década de 80 o mercado acionário do país árabe passava por um boom. O aumento das negociações foi causado por apostas especulativas de fundos detidos por pessoas que ganharam muito dinheiro com o aumento do preço do petróleo. Como resultado, essas movimentações causaram um crash (queda intensa e repentina no preço das ações) em 1977.

Em resposta, o governo impôs regulações mais severas. Contudo, causou um crash ainda maior em 1982. Ambas as crises acabaram por gerar um mercado de ações paralelo no país, chamado de Souk Al-Manakh. As operações desse mercado, especializado em especular preços de papéis de empresas não-reguladas, aconteciam em um estacionamento, que é retratado na série.

Sinopse da série Rainhas da Bolsa – Netflix

Farida é uma mulher que acabou de se divorciar e busca provar que pode sustentar sua filha. Dona de casa, ela está fora do mercado de trabalho há 13 anos, mas toma a decisão de se se tornar independente financeiramente quando seu ex-marido reluta em pagar a escola de sua filha. Apostando em seu talento para a matemática, ela começa a operar na bolsa de valores do Kuwait junto com sua prima, Munira.  

+Mulheres: 3 características que as tornam boas investidoras

Munira é uma atendente da divisão de negociações de um banco de investimentos que opera na bolsa de valores. Independente, esperta e irreverente, ela é apaixonada por sua carreira e seu objetivo é fortalecer ainda mais sua independência financeira. Inicialmente, Munira se sente ameaçada por Farida, mas ao longo de sua jornada as mulheres se unem.

Inspirações pessoais em Rainhas da Bolsa

As protagonistas foram inspiradas em mulheres que fizeram parte da infância e adolescência da criadora e roteirista da série, Nadia Ahmad. Ela as define como mulheres empoderadas que foram pioneiras a trabalhar em seus setores, especialmente o de finanças.

Ahmad descreve que essas mulheres buscaram ser ouvidas e conseguiram atingir este objetivo: começaram a trabalhar e abriram caminho para as gerações futuras fazerem o mesmo.

A série, a primeira produzida no Kuwait pela plataforma de streaming, é resultado de anos de pesquisa para construir o universo da época de forma autêntica. Para isso, os autores realizaram entrevistas com historiadores e pessoas que vivenciaram o ambiente da época.

Assista ao trailer da série no site da Netflix.

Para saber ainda mais sobre investimentos e educação financeira, não deixe de visitar o Hub de Educação da B3.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias