Organizar as contas

Veja 15 dicas para fazer compras seguras no Dia dos Pais

Febraban alerta para as principais precauções que o cliente deve tomar para evitar problemas em suas compras para o Dia dos Pais

Dia dos Pais. Foto: Pexels
Festejado tradicionalmente no segundo domingo de agosto, o dia movimenta o comércio, o que infelizmente também aumenta tentativas de golpes em compras. Foto: Pexels

Por João Paulo dos Santos

O Dia dos Pais é uma das datas comemorativas mais tradicionais do ano no Brasil. Festejado no segundo domingo de agosto, o dia provoca o aumento das vendas do comércio, assim como as tentativas de golpes em compras.

Por isso, os cuidados dos consumidores com o fornecimento de informações devem ser redobrados na hora de comprar o presente para o pai. Se a opção escolhida for ir às ruas para escolher o que adquirir, a atenção deve ser primordial.

A aglomeração de pessoas e a distração no momento dos pagamentos facilitam que bandidos apliquem o golpe da troca do cartão e o da maquininha no comércio de rua. Ele funciona da seguinte forma: o bandido entrega a maquininha para o cliente digitar a senha do cartão, mas se aproveita de um momento de distração do comprador para prestar atenção na senha que está sendo digitada. É necessário ficar de olho: o campo de senha deve mostrar apenas asteriscos.

+ Como proteger seus investimentos contra golpes? Veja aqui!

“O cliente também não deve aceitar fazer pagamentos se o visor da maquininha estiver danificado. É muito importante também que a própria pessoa insira o cartão na maquininha e confira se o cartão devolvido é realmente o seu. Peça sempre o recibo impresso da transação ou verifique se o valor está correto nas mensagens SMS enviadas no aplicativo do banco”, alerta Adriano Volpini, diretor do Comitê de Prevenção a Fraudes da Febraban.

Já se a escolha for a compra online, os consumidores devem estar atentos a outros pontos. É comum que criminosos criem páginas falsas que simulam um e-commerce; ofereçam promoções inexistentes enviadas por e-mails, SMS e mensagens de WhatsApp; e também criem perfis falsos que investem em mídia para aparecerem em páginas de buscas e stories de redes sociais.

“Sempre desconfie de promoções com preços muito menores do que o valor real do produto. Os criminosos se utilizam da empolgação dos consumidores em fazer um grande negócio para aplicar golpes”, afirma Volpini.

15 dicas da Febraban para fazer compras seguras no Dia dos Pais

  1. Tenha muito cuidado com e-mails de promoções que tenham links. Não abra e-mails não solicitados ou de sites no qual não esteja cadastrado para receber promoções;
  1. Acesse o site digitando os dados no navegador, e não clicando no link. Se utilizar sites de busca, verificar o endereço (URL) para garantir que é o site que deseja acessar. Fraudadores utilizam-se de “links patrocinados” para ganhar visibilidade nos resultados de buscas;
  1. Dê preferência aos sites conhecidos e verifique a reputação de sites não conhecidos, analisando os comentários de clientes que já utilizaram as plataformas;
  1. Desconfie de abordagens em que alguém diga que há uma grande oportunidade de compra, pedindo que o pagamento seja feito naquele momento para que o cliente não perca o produto;
  1. Desconfie das promoções cujos preços sejam muito menores do que o valor real do produto. Pesquise a média de preços em vários sites conhecidos;
  1. Nunca clique em links recebidos em e-mails, mensagens de WhatsApp e pelo SMS. Fique atento ao e-mail do remetente. Empresas de grande porte não utilizam contas privadas como @gmail, @hotmail ou @terra e entidades públicas sempre usam @gov.br ou @org.br;
  1. Sempre use o cartão virtual para realizar compras na internet,
  1. Se for pagar com Pix, sempre faça o pagamento dentro do ambiente da loja virtual. Quando o varejista fornecer o código QR Code, confira com atenção todos os dados do pagamento e se a loja escolhida é realmente quem irá receber o dinheiro. Se for pagar a compra com boleto, confira quem é a empresa beneficiária que aparece no momento do pagamento do boleto;
  1. Tome cuidado em compras nas redes sociais. É recomendável verificar se a página tem selo de autenticação, número de seguidores compatíveis e também comentários de outros consumidores sobre compras e prazos de entregas;
  1. Jamais aceite presentes e brindes inesperados, sem saber quem realmente mandou;
  1. Não forneça dados pessoais em links enviados relacionados a supostas promoções e tenha muito cuidado ao preencher cadastros na internet;
  1. Nunca utilize dados pessoais como senha (ex. data de aniversário, placa de carro etc), nem números repetidos ou sequenciais (ex.: 1111 ou 1234), nem anote senhas em papel, no celular, no computador ou em e-mails;

Em lojas físicas, shoppings e comércios de rua

  1. Passe você mesmo o cartão na maquininha em vez de entregá-lo para outra pessoa;
  1. Sempre confira o valor da compra na maquininha antes de digitar a sua senha. E proteja o código de segurança;
  1. Ao terminar de realizar uma compra na maquininha, verifique o nome no cartão para ter certeza de que realmente é o seu. Golpistas podem se aproveitar de distrações para trocar o seu cartão.

Golpe do Brinde ou Presente

Em datas comemorativas, como o Dia dos Pais, o cliente também deve tomar cuidado com o golpe do brinde ou presente. Após descobrirem dados pessoais, quadrilhas de criminosos entram em contato com a vítima e dizem que têm um brinde ou presente para entregar e insistem para que a pessoa receba o presente pessoalmente. 

Os criminosos chegam a dar algo para a vítima, geralmente flores, bolos ou cosméticos. Alegam que são prestadores de serviços, não sabem informações de quem pediu para fazer a entrega e pedem um pagamento de uma taxa.

+ 4 golpes online no celular em 2023 e como se proteger deles

O entregador pode entregar uma maquininha com o visor danificado ou de uma forma que impossibilite a visualização do preço cobrado na tela e aplicar o golpe da maquininha ou da troca de cartão.

Em outra variação desse golpe, o bandido diz para a vítima que ela precisa fazer uma selfie para receber o brinde. Colocam uma fita isolante no celular ou tampam todos os campos para que a pessoa não perceba que está dentro de um aplicativo bancário e prestes a fazer uma autenticação biométrica para uma operação de crédito.

Para quem precisa fazer um planejamento financeiro, a B3 oferece um curso sobre como organizar suas finanças. Na plataforma de educação, também há cursos sobre investimento e muito mais.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.