Ações

Agenda de dividendos: saiba quais empresas vão distribuir lucro em maio

O destaque da agenda de dividendos de maio fica com a Petrobras. A primeira parcela dos R$ 35,8 bilhões que serão pagos pela petroleira será quitada no dia 19

ETFs de dividendos. Foto: Adobe Stock
Entenda as taxas cobradas por bancos sobre transações e quais fazem mais sentido para a sua rotina financeira Foto: Adobe Stock

O destaque da agenda de dividendos de maio fica com a Petrobras (PETR3, PETR4). A primeira parcela dos R$ 35,8 bilhões será paga no dia 19.

Na lista, ainda aparecem os tradicionais bancos Itaú (ITUB3, ITUB4) e Bradesco (BBDC3, BBDC4) que distribuem JCP, e também há a distribuição de lucros bilionários pelo Santander (SANB11), pela Caixa Seguridade (CXSE3) e pela Grendene (GRND3).

+ Veja os fundos imobiliários que pagarão dividendos em maio

Além delas, outras empresas são destaques na agenda de dividendos do mês de maio, porque também pagarão dividendos milionários. São elas: a Bradespar (BRAP3, BRAP4), a CSN (CSNA3), a TIM (TIMS3) e a Unipar (UNIP6).

Mas o que são dividendos e JCP?

Dividendo é o lucro de uma empresa distribuído aos seus acionistas . Aliás, a partilha fica a cargo dos diretores da empresa, que definem se haverá pagamento, qual a quantia a ser paga, quando isso deve acontecer e quais acionistas terão direito ao recebimento.

Os JCP são semelhantes aos dividendos, com diferença de que há cobrança de Imposto de Renda (IR). Aliás, foram inventados pelo mercado financeiro brasileiro. A diferença é que os JCPs são tratados como despesas no balancete, enquanto os dividendos são lucros. 

+ 15 melhores empresas pagadoras de dividendos no Brasil em 2022

Assim, quem escolhe JCP leva uma mordida de IR e tem que pagar 15% sobre o que recebeu. Afinal, a empresa tem essa estratégia justamente para pagar menos no IR dela, então, sobra para você. Já o dividendo é isento.

Confira a agenda de dividendos de maio

EmpresaTickerValor(R$)TipoData
BradescoBBDC30,017JCP2
BradescoBBDC40,018JCP2
ItaúITUB3,ITUB40,017JCP2
MinervaBEEF30,35Dividendos2
CoelbaCEEB30,808/0,889Dividendos4
UniparUNIP30,992/0,75Dividendos4
UniparUNIP51,091/0,893Dividendos4
UniparUNIP61,091/0,825Dividendos4
Terra SantaLAND30,47Dividendos5
Livetech da BahiaLVTC30,013Dividendos5
Caixa SeguridadeCXSE30,5Dividendos8
TIMTIMS30,095Dividendos9
Ouro FinoOFSA30,196Dividendos11
MillsMILS30,005Dividendos12
Auren EnergiaAURE31,5Dividendos15
Santander BrasilSANB30,192JCP15
Santander BrasilSANB40,211JCP15
Santander BrasilSANB110,403JCP15
Santos BrasilSTBP30,035Dividendos15
EnautaENAT30,15Dividendos15
BMGBMGB40,02JCP16
GrendeneGRND31,235/0,121Dividendos/JCP17
IraniRANI30,385Dividendos18
PetrobrasPETR3/PETR41,372Dividendos19
LocalizaRENT30,369JCP19
JHSFJHSF30,047JCP29
PetzPETZ30,01JCP29
CSN MineraçãoCMIN30,015JCP31
CSNCSNA30,527JCP31
PanvelPNVL30,143JCP31
Raia DrogasilRADL30,047Dividendos31
CosanCSAN30,428Dividendos31
VivaraVIVA30,360Dividendos31
Plano & PlanoPLPL30,160Dividendos31

Bradesco (BBDC3,BBDC4)

Um dos maiores bancos do país, o Bradesco (BBDC3,BBDC4) paga mensalmente JCP a seus acionistas. Além disso, no mês de maio o pagamento da companhia será feito no dia 2 para quem detinha papéis da instituição até o dia 3 de abril. Será pago R$ 0,017 por ação ordinária e R$ 0,018 por ação preferencial. 

Itaú (ITUB3,ITUB4)

Maior instituição financeira da América Latina, o banco Itaú (ITUB3, ITUB4) também distribui JCP todos os meses a seus acionistas. Assim, também no dia 2 de maio será pago para detentores dos papéis do banco até o dia 3 de abril. Será pago o valor de R$ 0,017 por ação para donos de ações ordinárias e preferenciais.

Minerva (BEEF3)

Uma das maiores empresas de produção de proteína animal do Brasil, a Minerva (BEEF3) distribui R$ 208,6 em dividendos aos seus acionistas no dia 2 de maio. Assim, o data com foi dia 18 de abril. Cada ação será remunerada em R$ 0,35.

CCR (CCRO3)

Uma das gigantes na área de concessão e mobilidade urbana na América Latina, a CCR (CCRO3) distribui R$ 73,8 milhões em dividendos aos seus acionistas também no dia 2 de maio. Aliás, cada ação receberá R$ 0,036. Tem direito à remuneração quem detinha os papéis da empresa até o dia 19 de abril.

Coelba (CEE3)

Terceira maior companhia de energia em número de clientes do país, a Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) distribui R$ 218,7 milhões em dividendos no dia 4 de maio. Assim, terá direito a receber os acionistas posicionados até o dia 18 de abril.

Detentores de ações ordinárias e preferencial classe A recebem R$ 0,808 por ação. Já os donos de papéis preferencial classe B ficam com R$ 0,889 por ação.

Unipar (UNIP6)

Maior empresa produtora de cloro/soda da América do Sul e segunda maior de PVC (Policloreto de Vinila), a Unipar (UNIP6) distribui R$ 192,3 milhões no dia 4 de maio. A data limite para recebimento do provento foi o dia 20 de abril. 

Os pagamentos estão separados por dividendos adicionais, que recebem R$ 0,992 por ação ordinária; R$ 1,091 por ações preferenciais classe A e R$ 1,091 por ações preferenciais classe B.

Já os pagamentos referentes a dividendos adicionais à conta reserva de investimentos recebem R$ 0,750 por ação ordinária; 0,893 por ação preferencial classe A e R$ 0,825 por ação preferencial classe B.

Mills Locação Serviços e Logística (MILS3)

A Mills, empresa de locação e venda de maquinário leve para a indústria, paga R$ 0,0050 por ação no dia 12 de maio. O data de corte para receber o valor foi para acionistas posicionados nos papéis da empresa no dia 4 de maio.

Terra Santa (LAND3)

A Terra Santa Propriedades Agrícolas (LAND3) tem como principal negócio o arrendamento de fazendas destinadas à produção agrícola em geral, em todo o território nacional. 

Assim, será distribuído R$ 45 milhões em dividendos no dia 5 de maio para quem estava posicionado até o dia 19 de março. Cada ação recebe R$ 0,470.

Livetech da Bahia (LVTC3)

A empresa de soluções em tecnologia da informação e comunicação distribui R$ 861 mil em dividendos no dia 5 de maio. Faz juz ao pagamento quem detinha posição até o dia 19 de abril. Portanto, cada ação receberá R$ 0,013.

Caixa Seguridade (CXSE3)

Braço da Caixa na área de serviços de seguros, a Caixa Seguridade (CXSE3) distribui R$ 1,5 bilhão em dividendos no próximo dia 8 de maio. Assim o data com para recebimento dos dividendos será dia 27 de abril. Cada ação receberá R$ 0,500.

TIM (TIMS3)

Uma das maiores empresas de telefonia do Brasil, a TIM (TIMS3) distribui R$ 230 milhões em JCP no dia 9 de maio. Faz juz aos recebimentos quem detinha posição até o dia 25 de abril. Portanto, cada ação fica com R$ 0,095.

Ouro Fino (OFSA3)

A Ouro Fino Saúde Animal (OFSA3) empresa fabricante de produtos veterinários distribui R$ 10,5 milhões em dividendos no dia 11 de maio. Cada ação recebe R$ 0,196. Aliás, a data com foi dia 14 de abril.

Mills Locação Serviços e Logística SA (MILS3)

A Mills, empresa locadora de equipamentos para a construção, paga R$ 1,2 milhão dividendos complementares no dia 12 de maio. Cada ação remunera em R$ 0,0050. O data com da empresa foi no dia 4 de maio.

Auren Energia (AURE3)

Referência na área de energia renovável, a Auren Energia (AURE3) distribui R$ 1,5 bilhão no dia 15 de maio para quem detiver posição nos papéis no final do pregão do dia 4 do próximo mês. Portanto, a empresa vai pagar R$ 1,50.

Santander Brasil (SANB3,SANB4,SANB11)

Um dos maiores bancos do país, o Santander Brasil (SANB11) distribui R$ 1,5 bilhão em JCP a partir do dia 15 de maio. A empresa é outro dos destaques da agenda de dividendos de maio. Aliás, tem direito ao recebimento quem detinha posição até o dia 24 de abril. Será pago R$ 0,192 por ação ordinária; R$ 0,211 por ação preferencial e R$ 0,403 por unit.

Santos Brasil (STBP3)

Responsável por 18% de toda a movimentação de contêineres e cargas do país, a Santos Brasil (STBP3) opera o Tecon Santos, o maior terminal de contêineres da América Latina e um dos três terminais mais eficientes do Brasil.

Assim, a companhia distribui R$ 31 milhões em dividendos no dia 15 de maio. Tem direito aos valores quem detinha posição até o dia 18 de abril. Cada ação paga R$ 0,035.

Enauta Participações S/A (ENAT3)

A empresa exploradora de campos de petróleo Enauta Participações S/A (ENAT3) distribui aos seus acionistas no dia 15 de maio, R$ 39,5 milhões em dividendos. Cada ação vai pagar R$ 0,15. O data com da companhia foi no dia 28 de abril.

BMG (BMGB4)

O banco BMG (BMGB4) também distribui lucros no mês de maio. Aliás, a instituição paga R$ 11,66 milhões em JCP no dia 16 de maio. O data com foi dia 25 de abril. Cada ação pagará R$ 0,02. 

Grendene (GRND3)

A Grendene distribui lucros bilionários no dia 17 de maio. Serão cerca de R$ 1,1 bilhão em dividendos e R$ 110 milhões em JCP. Assim serão pagos R$ 1,235 e R$ 0,121, respectivamente, por cada um dos tipos de distribuição de lucros.

Além disso, serão pagos R$ 1,1 bilhão em dividendos complementares, recebendo R$ 1,113 por ação. O data com será dia 2 de maio. 

Irani (RANI3)

Uma das maiores empresas no setor de papel e celulose do país, a Irani distribui R$ 93,2 milhões de dividendos no dia 18 de maio. Cada ação ordinária recebe R$ 0,385. O data com foi dia 24 de abril.

Petrobras (PETR3,PETR4)

A estrela do pagamento da agenda de dividendos do mês de maio é a maior empresa do país. A Petrobras paga R$ 35,8 bilhões, sendo a primeira parcela dos dividendos no dia 19 de maio. Portanto, tem direito a receber quem detinha posição até o dia 27 de abril. Cada ação paga R$ 1,372.

A segunda parcela, no mesmo valor, fica para junho.

Localiza (RENT3)

A Localiza & co é a maior rede de mobilidade na América do Sul, presente em 6 países, 550 mil carros na frota, 900 pontos físicos e 17 mil colaboradores. Assim, a companhia distribui R$ 362,8 em JCP no dia 19 de maio.

Aliás, tem direito a receber quem estava na data com do dia 28 de março. Cada ação pagará R$ 0,369.

JHSF (JHSF3)

A empresa de investimentos JHSF (JHSF3) é líder em negócios voltados para atender o público de alta renda no Brasil, nos setores de incorporação, renda recorrente, hospitalidade/gastronomia e aeroporto executivo internacional.

Portanto, a empresa paga a segunda parcela de dividendos ,de três previstas cada uma no valor de R$ 32,5 milhões, no dia 29 de maio. Cada ação recebe R$ 0,047.

Petz (PETZ3)

Referência no mercado de produtos veterinários, a Petz (PETZ3) distribui R$ 4,9 milhões em dividendos no dia 29 de maio. Assim, cada ação fica com R$ 0,010. O data com foi no dia 24 de abril.

CSN Mineração (CMIN3)

Segunda maior produtora de minério de ferro do país, a CSN Mineração (CMIN3) distribui JCP a seus acionistas no dia 31 de maio. Aliás, terão direito à remuneração de R$ 0,015 por ação, detentores do papel da companhia até o dia 28 de dezembro de 2022.

CSN (CSNA3)

A Companhia Siderúrgica Nacional, terceira maior no país no setor, distribui R$ 700 milhões em JCP até o dia 31 de maio. Assim, cada ação será remunerada em R$ 0,527 para quem detinha posição no papel até o dia 28 de dezembro de 2022.

Panvel (PNVL3)

A Panvel (PNVL3), rede de farmácias do sul do país, realiza o terceiro e último pagamento de JCP deste ano no dia 31 de maio. Aliás, cada ação recebe R$ 0,143. Faz juz ao pagamento acionistas posicionados no papel da companhia até o dia 26 de dezembro de 2022.

Raia Drogasil (RADL3)

Empresa líder no mercado brasileiro de drogarias, em receita e número de lojas, com mais de 2,6 mil farmácias, foi criada a partir da fusão entre Raia S.A. e Drogasil S.A. Além disso, companhia paga R$ 79 milhões em dividendos também no dia 31 de maio.

Cada ação remunera em R$ 0,047. O data com da empresa foi no dia 24 de abril.

Cosan (CSAN3)

Também no dia 31 de maio, a holding controladora da Raízen, da Compass, da Rumo e da Moove, a Cosan (CSAN3) distribui R$ 800 milhões em dividendos. Cada ação paga R$ 0,428 para quem tinha posição nos papéis até o dia 18 de maio.

Vivara (VIVA3)

Maior joalheria do país, a Vivara (VIVA3) distribui R$ 85,7 milhões em dividendos no dia 31 de maio. Tem direito a receber R$ 0,36 por ação, quem tinha posição dos papéis até o dia 27 de abril.

Plano & Plano (PLPL3)

A incorporadora Plano & Plano (PLPL3) paga R$ 31,7 milhões em dividendos também no último dia do mês de maio. Será pago R$ 0,16 por ação. Faz jus ao recebimento dos proventos quem estava com ações no final do pregão do dia 28 de abril.

Para saber ainda mais sobre investimentos e educação financeira, não deixe de visitar o Hub de Educação da B3.