Mercado

Mercado financeiro hoje: atenções ficam na ata do Banco Central Europeu e em Christine Lagarde

Exterior negativo tende a pesar nos ativos locais diante da agenda interna vazia em véspera de feriado local

Christine Lagarde, presidente do Banco Central Europeu, uma mulher branca de cabelos brancos e óculos discursa em frente a um painel
A presidente do Banco Central Europeu, Christine Lagarde: decisão vai ao encontro das expectativas do mercado e leva a taxa ao maior patamar desde 2008. Foto: Divulgação

Por Redação B3 Bora Investir

Nesta quarta-feira de véspera de feriado no Brasil a entrevista dos secretários do Tesouro, Rogério Ceron, e de Reformas Econômicas, Marcos Pinto, para divulgar o novo marco de Parcerias Público-Privadas (PPPs) deve repercutir nos mercados. O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, tem várias reuniões em São Paulo, incluindo o encontro virtual do Conselho Monetário Nacional (CMN), enquanto o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, cumpre agenda em Londres, no Reino Unido.

Sem dados locais previstos, as atenções ficam na ata do BCE e na presidente da instituição, Christine Lagarde, além de comentários de cinco dirigentes do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA). Também dados de confiança do consumidor na zona do euro, de auxílio-desemprego e vendas de moradias nos EUA e alguns balanços devem movimentar os negócios.

+ Onde investir para a reserva de emergência: Tesouro, CDB, fundo, LCIs, conta remunerada ou ETF?

Mercado externo, petróleo e dólar

Os mercados acionários e os juros dos Treasuries recuam por cautela com o aperto de juros nos EUA e na Europa para combater à inflação. O índice de preços ao produtor da Alemanha desacelerou para 7,5% em março na comparação anual e o petróleo volta a recuar com temores sobre a demanda futura.

Já o dólar ganhou força em sessões recentes, mas oscila mais perto da estabilidade ante pares principais nesta manhã.

Preocupação com Arcabouço

O exterior negativo tende a pesar nos ativos locais diante da agenda interna vazia em véspera de feriado local, que pode reduzir a liquidez nos mercados. Os investidores vão avaliar o marco das PPPs, além de dados e falas de dirigentes de BCs lá fora, após a forte reação negativa ontem com o risco de questões políticas comprometerem a tramitação do arcabouço fiscal.

O líder do PP na Câmara, André Fufuca, avalia que, pelo texto atual, o arcabouço fiscal enviado pelo governo não tem votos para ser aprovado, mas o apoio pode ser construído, e se disse descrente em votação até 10 de maio, como defendeu o presidente da Câmara, Arthur Lira.

+ O que é o arcabouço fiscal que vai para substituir o teto de gastos

Quer entender o que é macroeconomia e como ela afeta seu bolso? Acesse o curso gratuito Introdução à Macroeconomia, no Hub de Educação da B3.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias