Notícias

PIS-Pasep: terminou no sábado prazo para saque do dinheiro esquecido

Cerca de 10,4 milhões de pessoas ainda podem solicitar o saque pelo aplicativo do FGTS. Valores não sacados serão transferidos para o Tesouro

Abono salarial PIS/Pasep. Foto: Adobe Stock
O valor do benefício recebido pode ser de até R$ 1.320, o equivalente ao salário mínimo atual. Foto: Adobe Stock

Por Redação B3 Bora Investir

A Caixa informa que os trabalhadores que possuem saldo de cotas do PIS-Pasep tiveram até sábado, 5/8, para solicitar o saque dos valores pelo aplicativo do FGTS. Após esse prazo, os valores não sacados serão transferidos para o Tesouro Nacional.

Atualmente, há cerca de 10,4 milhões de trabalhadores com saldo PIS-Pasep disponível para saque, no total de R$ 25,5 bilhões.

Têm direito a sacar os valores quem trabalhou com carteira assinada ou como servidor público no período de 1971 a 1988 e não realizou o resgate das cotas, ou beneficiários legais de titular falecido que não tenha realizado o saque anteriormente.

+ Desenrola: quem pode participar do programa para renegociar dívidas

Desde a publicação da Medida Provisória nº 946/2020, que transferiu as cotas do PIS-Pasep para o FGTS, foram realizados mais de 513 mil pagamentos, totalizando R$ 745 milhões, até o final de junho.

O prazo até 5 de agosto para a solicitação de saque pelo aplicativo FGTS foi estabelecido pelo edital de Chamamento Público MTE nº 1/2023, publicado no dia 7 de junho, no Diário Oficial da União.

O que acontece com as cotas do PIS-Pasep após o prazo?

Após esse prazo, valores não sacados serão transferidos para o Tesouro Nacional e os interessados ainda poderão solicitá-los à União no prazo de até 5 anos.

Os procedimentos para a solicitação de ressarcimento, após a transferência dos recursos para o Tesouro Nacional, ainda serão divulgados em portaria conjunta do Ministério do Trabalho e Emprego, Ministério da Fazenda e Ministério do Planejamento e Orçamento.

Como consultar e sacar o dinheiro do PIS-Pasep

A operação de saque pode ser feita totalmente pelo app do FGTS. Os titulares de cotas já poderão ver,
na tela principal do aplicativo, a informação de saldo disponível para saque.

Para solicitar o saque, basta abrir o aplicativo, selecionar a mensagem “Você possui saque disponível”, depois clicar em “Solicitar o saque do PIS/PASEP”. O trabalhador deverá escolher a forma de saque (crédito em conta ou presencial), verificar seus dados e selecionar “Confirmar saque”.

O saldo pode ser creditado em conta bancária de qualquer instituição financeira indicada pelo trabalhador, sem custo nenhum.

+ Renegocia: tudo sobre o mutirão para dívidas com bancos e empresas

Em caso de trabalhador falecido, o beneficiário pode acessar seu próprio aplicativo FGTS e solicitar o saque na opção “Meus Saques”, depois “Outras Situações de Saque” e, em seguida, escolher a opção “PIS/Pasep –
Falecimento do Trabalhador”, juntar os documentos necessários e confirmar a solicitação.

Caso o trabalhador se enquadre em qualquer hipótese de saque FGTS e tenha conta PIS-Pasep, o saldo dessa conta é liberado em conjunto com o FGTS.

Em caso de dúvida, os trabalhadores podem acessar o app do FGTS ou ligar para o telefone 4004-0104, para capitais e regiões metropolitanas, ou para o 0800 104 0104, para demais regiões.

Quer comprar a sua primeira ação? Veja o passo a passo neste curso gratuito disponibilizado pelo Hub de Educação Financeira da B3

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias