Notícias

Inflação ao consumidor nos EUA fica estável em outubro

Indicador ficou em 3% na base anual, perda de ritmo em relação aos 3,4% registrados em setembro nos EUA

Maço de notas de dólar. Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil
A expectativa do mercado, segundo economistas consultados pela Reuters, era que o índice cairia 0,1%. Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Por Redação B3 Bora Investir

O índice de preços de gastos com consumo (PCE, da sigla em inglês) nos Estados Unidos ficou estável em outubro, depois de avançar 0,4% no mês anterior. Os dados foram publicados nesta quinta-feira, 30/11 pelo Escritório de Análise Econômica (Bea, em inglês).

A taxa anualizada ficou em 3%, também uma perda de ritmo na comparação com setembro, quando avançou 3,4%.

O núcleo do PCE – medida que exclui itens voláteis como energia e alimentos e aponta para uma tendência dos preços – subiu 0,2% em outubro ante 0,3% no mês anterior. Na comparação com 2022, o núcleo do PCE subiu 3,5%, depois de avançar 3,7% em setembro.

Esse indicador de preços é o mais observado pelo Federal Reserve (Fed), o Banco Central americano, para tomar suas decisões sobre juros no país. Hoje, as taxas estão entre 5,25% e 5,50% ao ano.

Segundo analistas, os números divulgados hoje reforçam a expectativa de que a economia dos Estados Unidos vai perder força no 4º trimestre, após o ritmo de crescimento mais forte em quase dois anos.

Na quarta-feira, 29/11, o Livro Bege do Fed apontou que a economia dos Estados Unidos entrou em desaceleração, após o Produto Interno Bruto crescer 5,2% no 3º trimestre.

O economista-chefe do Comerica Bank, Bill Adams, afirmou que o resultado desse indicador tranquilizar o BC americano, já que as pressões inflacionárias devem continuar em processo de queda – o que ajuda no processo de afrouxamento monetário.

“O Fed está em compasso de espera, mas o seu pivô para cortes nos juros está cada vez mais próximo: a inflação claramente desacelerando e o mercado de trabalho suavizando mais rápido do que o esperado”.

Quer entender o que é macroeconomia e como ela afeta seu bolso? Acesse o curso gratuito Introdução à Macroeconomia, no Hub de Educação da B3.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.