Notícias

Mercado e Morning Call Safra: possível queda da produção de petróleo

Dados da produção industrial brasileira, geração de empregos no setor privado dos EUA e a possível a queda da produção de petróleo devem repercutir nas bolsas

Plataforma de petróleo da PRIO no mar. Foto: PRIO/Divulgação
Plataforma da petroleira PRIO, ex PetroRio. Foto: PRIO/Divulgação

Nesta manhã de quarta (5) o Mercado deve repercutir a produção industrial brasileira, os dados de geração de empregos no setor privado dos Estados Unidos e os PMIs de serviços finais de setembro.

O risco fiscal e a costura de apoio político ao segundo turno por Lula e Bolsonaro também serão monitorados. Também estarão no radar o relatório sobre perspectiva econômica mundial do FMI, em meio a especulações de que a Opep+ (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) poderá reduzir a produção de petróleo em até 2 milhões de barris.

Essa possível redução pode afetar o desempenho da Bolsa, especialmente as ações da Petrobras (PETR3 e PETR4), ainda que os mercados de câmbio e de juros possam se ajustar à valorização do dólar e dos retornos dos Treasuries. O balanço mensal do fluxo cambial ficará também no foco, com possível saldo total negativo de pelo menos US$ 4 bilhões em setembro, a maior parte de saídas de capitais do País em meio às incertezas eleitorais e alta de juros nos EUA.

No mercado externo, os ativos financeiros passam por uma realização de ganhos, após dois dias de rali nas bolsas em Nova York com a disparada das ações do Twitter e a sensação de analistas que o aperto monetário do Federal Reserve (Fed) pode ter atingido seu pico, como explica o Morning Call Safra de hoje:

Na Europa, as bolsas caem também, após três dias de ganhos seguidos, com temores de recessão reforçados hoje pelos PMIs (Índice de Gerente de Compras Industrial) da região. Pesquisa final da S&P Global mostrou que o PMI de serviços da zona do euro caiu para 48,8 em setembro, atingindo o menor nível em 19 meses.

No Reino Unido, o mesmo indicador caiu a 50 em setembro, sinalizando estagnação e no menor patamar desde fevereiro de 2021. Também por lá, a libra acentuou baixa ante o dólar após as falas da primeira-ministra do Reino Unido, Liz Truss, que sinalizou por mais gastos públicos e em concordância com seu polêmico plano de corte de impostos, que tem ganhado rejeição interna e dos mercados.

Abertura: Ibovespa futuro cai a 0,73% a 116.040 pontos

Fechamento: dólar à vista fecha a R$ 5,1840, aumento de 0,31%

*Com informações da Agência Estado

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias