Mercado

Ibovespa sobe 0,17% mesmo com quedas de Petrobras e Vale; dólar sobe

Ibovespa teve alta discreta mesmo com queda das ações da Vale e da Petrobras

Ibovespa
O Ibovespa é o principal índice de ações da B3, a Bolsa de Valores do Brasil

Por Redação B3 Bora Investir

O Ibovespa, o principal índice de ações da B3, a Bolsa de Valores do Brasil, fechou o pregão desta quarta-feira, 04/10, em alta de 0,17%, mesmo com quedas expressivas das duas ações da Petrobras e da Vale, em resposta a variação do preço do barril de petróleo. O índice encerrou o pregão cotado aos 113.607 pontos.

O índice reverteu, parcialmente, as perdas da última terça-feira, 04/10, quando acompanhou o mau desempenho dos mercados no exterior.

As ações ordinárias da Petrobras tiveram queda de 3,29%, enquanto os papéis preferenciais perderam 3,94%. A queda dos ativos da estatal vem na esteira da queda do preço do barril de petróleo, em mais de 5%, com o bloco produtor Opep+ recomendando a manutenção dos níveis de produção no mundo – o que aliviaria a demanda pela commodity.

Serviços perdem força no Brasil e demanda diminui nos EUA

As ações da Vale também cederam, com perdas de 1,07% para as preferenciais.

Em linhas gerais, o setor de aviação e turismo performou bem na bolsa de valores, com impulso das ações de Azul, Gol e CVC. O setor de petróleo ficou na ponta negativa: além de Petrobras, os papéis de Prio e da 3R Petroleum registraram fortes baixas.

Dólar hoje

O dólar fechou em ligeira queda de 0,03%, cotado a R$ 5,15. Na máxima, a divisa bateu R$ 5,17.

No exterior, a moeda caiu com maior intensidade. O DXY, cesta que mede o desempenho das principais moedas do mundo perante o dólar, teve baixa de 0,24%, a 106,75 pontos.

Melhores desempenhos

No topo do ranking de melhores ações da bolsa de valores hoje, os ativos da varejista C&A (CEAB3) tiveram valorização de 8,07%.

Veja, abaixo, a lista das ações com maiores altas da B3 nesta quarta-feira. Apenas ativos com volume de transação igual ou superior a R$ 1 milhão foram elencados.

  • C&A Modas (CEAB3): +8,07%
  • Yduqs ON (YDUQ3): +7,61%
  • CVC ON (CVCB3): +7,53%
  • Locaweb ON (LWSA3): +7,19%
  • Arezzo (ARRZ3): +6,17%

Maiores quedas

As ações da BR Properties despencaram, e lideraram as perdas do B3 nesta quarta-feira. Veja:

  • BR Properties (BRPR3): -43,49%
  • Petrobras PN (PETR4): -3,97%
  • Eletromídia (ELMD3): -3,03%
  • Petrobras ON (PETR3): -3,02%
  • 3R Petroleum ON (RRRP3): -2,93%

Bolsas internacionais

No exterior, as bolsas de Nova York fecharam em alta, um dia após o estresse gerado pelo aumento da curva de juros futura e do retorno dos títulos do Tesouro americano.

O índice Dow Jones avançou 0,39% , cotado a 33.129 pontos, enquanto o S&P subiu 0,81%, aos 4.263 pontos. A Nasdaq teve a maior alta entre as bolsas americanas, com ganhos de 1,35%, aos 13.236 pontos.

Terceira fase do Desenrola começa na próxima segunda-feira, 09/10

As bolsas da Europa, por outro lado, fecharam em queda, depois de oscilarem durante o pregão e ensaiarem melhora no início da manhã, mas retornando ao vermelho diante de uma cesta de dados sobre a economia dos Estados Unidos e também com pressão de ações de setor de energia, em meio à forte queda do petróleo.

Na bolsa de Londres, o índice FTSE 100 fechou em queda de 0,77%, aos 7.412 pontos. Na bolsa da Alemanha, sediada na cidade de Frankfurt, o índice DAX subiu 0,10%, aos 15.099 pontos; em Paris, o CAC 40 ficou estável, aos 6.996 pontos. Já em Milão, o FTSE MIB perdeu 0,17%, aos 27.435 pontos; em Madri, a queda do Ibex 35 foi de 0,68%, aos 9.102 pontos; e, em Lisboa, o PSI 20 teve baixa de 1,26%, aos 5.821 pontos.

Com informações do Estadão Conteúdo

Quer entender o que é macroeconomia e como ela afeta seu bolso? Acesse o curso gratuito Introdução à Macroeconomia, no Hub de Educação da B3.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias