Organizar as contas

Como fazer suas compras de fim de ano sem estourar o orçamento

Listar o que se pretende comprar e aproveitar a Black Friday são algumas das dicas

Compras antecipadas de Natal podem sair mais em conta Fonte: Pixabay
Compras antecipadas de Natal podem sair mais em conta Fonte: Pixabay

Com a chegada de novembro, começam a aparecer as primeiras decorações de Natal e, junto com elas, as campanhas publicitárias incentivando a compra de presentes. O clima de fim de ano é acompanhado por muita celebração. Mas nem tudo é festa. Nessa época, muita gente se empolga e acaba estourando o orçamento com os presentes.

Mas é possível sim presentear as pessoas que você ama sem que a conta do cartão de crédito se transforme em um pesadelo em 2024. A palavra-chave para isso é organização. O Bora Investir conversou com Ana Clara Aguiar, especialista da Serasa, para reunir algumas dicas para a época. Confira.

+ Tenho compulsão por compras, e agora?

Defina um orçamento

A primeira dica é olhar para o seu orçamento e decidir o quanto poderá ser dedicados às compras. Além dos presentes, não se esqueça dos itens que você realmente precisa, como uma geladeira para substituir a antiga que não aguenta mais os dias de calor.

“Nessa época, as pessoas ficam muito estimuladas pelo consumo. As lojas dão desconto, o décimo terceiro cai na conta, as pessoas querem dar presentes. O descontrole é a razão de muitas pessoas se endividarem”, diz Ana Clara Aguiar. Estipule um teto para seus gastos extra no fim do ano e não passe esse valor.

Liste os presentes e pesquise bem os preços

Pense nas pessoas que você quer presentear e faça uma lista, com possíveis presentes para cada um. Feito isso, é hora de pesquisar preços.

Vale buscar na internet, em comparadores de preço, ou em lojas físicas. O importante é se antecipar. “Não se deve deixar para a última hora para comprar algo que você poderia comprar na Black Friday com desconto, por exemplo”, lembra Aguiar.

+ Fim de ano chegando, ainda dá tempo de se planejar para viajar?

Aproveite a Black Friday

Falando em Black Friday, a dica da especialista é aproveitar ao máximo os descontos da data, que neste ano cai no dia 24 de novembro. “Hoje em dia, dá até para comprar alguns itens para a ceia, como bebidas, e evitar gastar no fim do ano, quando as coisas estão mais caras”, diz ela.

Cuidado com os golpes

“Estamos falando em economizar dinheiro, mas muitas vezes, na ânsia de economizar, as pessoas acabam caindo em descontos muito agressivos, que parecem bons demais para ser verdade, e são”, lembra Aguiar.

+ Black Friday: dicas para garantir a segurança nas compras online

Por isso, fique sempre atento aos sites em que você faz as compras. Confira se o endereço começa com https, e se há a imagem de um cadeado fechado ao lado do link.

Outra dica é usar um cartão digital, que expira depois de algum período, para fazer as compras online. Além disso, vale ver comentários de clientes em sites como Reclame Aqui e Procon, diz Ana Clara Aguiar.

Cartão de crédito: vilão ou mocinho?

Quando há muitas compras a fazer, sempre surge a dúvida: vale a pena parcelar no cartão de crédito? Tudo depende de sua organização financeira.

“Você precisa ter noção das parcelas e acompanhar a fatura do cartão, para não cair no descontrole financeiro. Essa época é muito propensa para passar as compras no cartão e ver a fatura só no ano que vem. Mas você pode começar o ano com o pé esquerdo dessa forma, comprometendo o pagamento de outras contas”, diz Ana Clara.

Não se esqueça das contas do começo do ano

Janeiro é um mês que vem com diversas despesas extraordinárias, como IPVA, IPTU e o material escolar. Lembre-se disso na hora de calcular o orçamento para as compras de novembro e dezembro.

Aproveite para renegociar dívidas

Ana Clara Aguiar ainda alerta que o fim do ano é uma boa época para renegociar suas dívidas. “Nesse período, existem muitos eventos de renegociação. Você pode aproveitar o décimo terceiro, por exemplo, para pagar uma dívida com desconto, e começar bem o ano que vem”, diz.

Tire o dinheiro da poupança e planeje seus objetivos com melhores investimentos! Para saber ainda mais sobre investimentos e educação financeira, não deixe de visitar o Hub de Educação da B3.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias