Ações

Ibovespa acumula alta de 14% em 2023; veja as 40 ações que mais se valorizaram 

Levantamento exclusivo feito para o Bora Investir mostra os 40 melhores desempenhos do Ibovespa em 2023

Um homem olhando para várias telas de computadores e analisando gráficos
Tem dúvidas sobre qual ETF escolher?

Por Guilherme Naldis

O ano foi de altas e baixas para o Ibovespa, o principal índice de ações da B3, a Bolsa de Valores do Brasil. Não poderia ser diferente, já que a listagem é uma síntese do mercado de capitais do País, refletindo e registrando as mudanças do nosso ambiente de negócios. Apesar do vaivém, o saldo é positivo: o índice acumula alta de 14% em 2023 até o pregão de 17 de novembro, segundo levantamento do site Investing.com, realizado com exclusividade para o Bora Investir

Dos 86 papéis que compõem a carteira teórica do 3° quadrissemetre do ano, 53 operam no positivo, enquanto 33 estão no negativo. Veja, abaixo, os 40 melhores desempenhos:

ColocaçãoAçãoDesempenho
1Ultrapar ON97,38%
2YDUQS ON96,85%
3IRB Brasil ON70,27%
4BRF ON70,05%
5CSN Mineração ON65,93%
6Cyrela ON63,81%
7Azul PN58,40%
8Allos ON52,66%
9Petrobras PN46,98%
10Cogna ON46,23%
11Banco do Brasil ON45,64%
12BTG Pactual Unit41,90%
13MRV ON40,39%
14Vibra ON39,04%
15Embraer ON38,16%
16Petrobras ON37,45%
17Eztec ON35,22%
18TIM ON32,74%
19Natura ON32,30%
20Telefônica Brasil ON30,87%
21São Martinho ON29,75%
22Rumo ON27,67%
23Equatorial ON27,09%
24Gol PN26,16%
25Prio23,89%
26Multiplan ON23,47%
27CCR ON22,83%
28Itaú Unibanco PN21,28%
29Cemig PN20,65%
30Totvs ON20,49%
31COPEL PNB18,71%
32Raia Drogasil ON18,20%
33Energisa Unit18,03%
34Fleury ON17,13%
35Iguatemi Unt16,81%
36Localiza ON16,03%
37Itaúsa PN15,75%
38Klabin Unit15,22%
39Engie Brasil ON13,97%
40Sabesp ON13,49%
Fonte: Investing.com

“Esse resultado demonstra, mais uma vez, o foco de curto prazo dos brasileiros, especialmente os investidores pessoa física”, explica Fabiane Goldstein, sócia-diretora da FG Consultoria. Para ela, as duas empresas na dianteira vêm de processos de reestruturação e já estão colhendo os frutos. Por isso, registraram resultados positivos tanto no aspecto de rentabilidade das operações como na desalavancagem, o que justifica o desempenho no ano.

“Interessante verificar que temos 6 companhias de setores bastante diversos em ambos os lados”, aponta,

Ultrapar no topo da lista

Os resultados da Ultrapar no terceiro trimestre de 2023 foram mais fortes do que o esperado. Por isso, a ação é a mais valorizada de todo o índice. Para se ter uma ideia: o Ebitda da companhia foi de aproximadamente R$2 bilhões, 43% acima das estimativas do mercado.

Ibovespa B3: veja curiosidades sobre o índice que completa 55 anos

Após um ano de surpresas positivas, é natural que a empresa de energia e infraestrutura logística desponte. Responsável por marcas como o posto Ipiranga, Ultragaz e Ultracargo, a Ultrapar se destaca por ter uma carteira de negócios diversificada e resiliente, na visão de Aline de Souza Cardoso, analista de ações do Santander.

“A estratégia da empresa de aumentar continuamente a eficiência operacional e a capilaridade, ao mesmo tempo em que concentra mais esforços no segmento varejista, juntamente com uma tendência de expansão de margens impressionante em seu setor, tem sustentado um aumento sem precedentes nos retornos”, destaca Monique Greco, líder de gás e óleo do Itaú BBA.

YDUQS entre as maiores altas do Ibovespa

A Yduqs é uma das maiores organizações educacionais privadas do mundo, com mais de 270 mil alunos presenciais e 400 mil atendidos pela frente digital da empresa. Mas não é o tamanho alcançado que garantiu à companhia o bom desempenho na bolsa. Diferente da Ultrapar, que superou em muito as expectativas, a YDUQS segue com uma trajetória consistente de entregar as projeções que anuncia. Neste ano, o Ebitda ajustado da Yduqs cresceu 14% em relação ao ano anterior, o que está estritamente dentro de suas orientações para o trimestre.

Ações: o que você precisa saber para aumentar seus ganhos

“Acreditamos que a empresa seja a mais eficiente no setor de ensino superior e, apesar de ter passado por um período desfavorável – assim como seus concorrentes – nos últimos anos, esperamos que ela esteja bem posicionada para crescer e entregar rentabilidade, principalmente impulsionada por suas verticais de Ensino Digital e Premium, que oferecem margens altas e devem apresentar alto crescimento no futuro”, diz Rafael Barros, chefe do setor de análise de educação da XP, em relatório.

IRB Brasil

O ressegurador voltou neste ano para o Ibovespa após ter saído em 2022. A razão para a exclusão foi uma queda de valor de mercado de cerca de 80%, o que fez as ações irem de R$ 4,05 para R$ 0,87. Porém, em abril, o papel retornou, e agora a empresa vive um momento de reconstrução. Em fevereiro de 2020, a gestora Squadra identificou indícios de fraudes contábeis nos balanços do IRB, que foram confirmados nos meses seguintes. Os balanços de 2018 e 2019 tiveram de ser republicados, com uma diferença de R$ 670,6 milhões nos lucros, ao todo.

“A empresa continua seu longo processo de turnaround, que acreditamos que dará frutos, como já pode ser visto. No entanto, a recuperação não será necessariamente um processo linear ou rápido”, diz relatório do BTG Pactual assinado por Thiago Paura.

Quer saber ainda mais sobre o universo da bolsa de valores e dos investimentos? Confira o Hub de Educação da B3, com diversos cursos gratuitos.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.