Mercado

Mercado hoje: Powell no foco em discussão sobre juros e teto da dívida americana

Ficam ainda no radar os presidentes do BC brasileiro, Roberto Campos Neto, e a presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde

Números sendo mostrados em uma tela
Os pontos da bolsa ajudam o investidor a tomar decisões, servindo como referência para as carteiras. Foto: Adobe Stock

Por Redação B3 Bora Investir

O presidente do Fed, Jerome Powell, fica no centro das atenções nesta sexta-feira, 19/05, em meio às discussões sobre o rumo da política monetária e o teto da dívida americana. Powell participa de discussão com o ex-presidente do BC americano Ben Bernanke na Conferência de Pesquisa Thomas Laubach, às 12h.

Ficam ainda no radar os presidentes do BC brasileiro, Roberto Campos Neto; a presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, e o ministro da Fazenda, Fernando Haddad. Eles participam do High-Level Seminar on Central Banking, evento promovido pelo Banco Central em São Paulo.

+ Câmara aprova urgência para o projeto do Arcabouço fiscal

O presidente da autarquia, Roberto Campos Neto, fala às 18h15, enquanto a presidente do Banco Central Europeu, Christine Lagarde fará participação gravada às 16h10. Já o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, participa do evento às 14h05.

Por fim, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem compromissos da cúpula de líderes do G7, no Japão. A agenda traz ainda o IBC-Br de março, às 9h.

No exterior

Os mercados monitoram as negociações do teto da dívida dos EUA, na expectativa de que um acordo seja fechado em breve.

O presidente dos EUA, Joe Biden, que participa da cúpula de líderes do G7, tem se mostrado confiante em um desfecho positivo. A oposição republicana está concordando em elevar o teto e evitar calote.

Já o presidente da Câmara dos Representantes dos EUA, Kevin McCarthy, sinalizou ontem que um eventual projeto de lei sobre a questão do teto poderá ir à votação na próxima semana.

A Capital Economics alerta que um calote temporário do Departamento do Tesouro dos EUA poderia ser catastrófico, já que atingiria o alicerce dos sistemas financeiros americano e global – os Treasuries.

+ Desemprego cresce em 15 estados e no Distrito Federal no 1º trimestre

O impasse pode forçar os dirigentes do Fed a revisitar o “manual” de gerenciamento de crises que eles elaboraram quando a economia passou por um momento parecido em 2013.

O estresse com o teto da dívida se soma a uma situação ainda preocupante do sistema financeiro. A soma que os bancos americanos tomaram de empréstimos pela janela de redesconto e pelo programa emergencial do Fed aumentou pela segunda semana consecutiva.

No Brasil

O Ibovespa pode se favorecer por conta de movimentos no exterior em um dia de agenda local esvaziada.

Nos juros, o IBC-Br pode ter efeito limitado, mas a esperada desaceleração para alta de 0,30% em março, de 3,32% em fevereiro, segundo projeções, pode servir de contraponto para dados mais fortes de atividade divulgados recentemente, como as vendas no varejo.

+ EUA: problemas nos bancos PacWest, Western Alliance e First Horizon reacendem temores de crise

O mercado digere comentários do ministro da Fazenda, Fernando Haddad. Ele manifestou mais uma vez confiança na aprovação da reforma tributária e reiterou a promessa de neutralidade da reforma, sem redução nem aumento da carga de impostos. Haddad disse ainda que as medidas tomadas pelo governo abrem espaço para que o Banco Central reduza os juros de maneira técnica.

O ministro defendeu também, em entrevista à CNN Brasil, mudanças no regime de metas de inflação e criticou a fixação de objetivos anuais para a alta dos preços. Dando como exemplo os modelos americano e europeu, o ministro manifestou preferência por metas contínuas, a serem atingidas ao longo do tempo.

*Com informações da Agência Estado

Como funciona o mercado de ações? Veja nesta curso oferecido pela B3

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias