Investir melhor

Onde investir R$ 30 mil com a Selic a 13,75%?

Após a decisão do Copom de manter mais uma vez a Selic em 13,75%, especialistas indicam onde investir agora

Planta com moedas dentro de frasco de vidro, um conceito de negócio financeiro sustentável. Foto: Adobe Stock
Com a manutenção da taxa de juros e os sinais do Banco Central, a renda fixa ainda é uma alternativa viável. Foto: Adobe Stock

Por Guilherme Naldis

A última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) manteve a taxa Selic em 13,75% pela sexta vez consecutiva.

+ Copom mantém Selic a 13,75%; Ambiente externo preocupa, segundo comunicado

Para André Meirelles, diretor da InvestSmart XP, o comunicado seguiu o que era esperado pelo mercado. “Novamente, o comitê não deixou abertura para uma possível queda de juros na próxima reunião”, disse. 

Enquanto o Banco Central regula os juros para conter a inflação e calibrar as expectativas do mercado, investidores podem surfar a onda da Selic alta para investir na renda fixa, que segue gerando bons rendimentos. Veja no que investir agora, segundo especialistas ouvidos pelo Bora Investir. 

Onde investir agora?

O patamar atual da Selic gera uma boa relação de risco e retorno para os títulos pós-fixados, como o Tesouro Selic, diz Vinicius Romano, head de renda fixa na Suno Research. “Estes investimentos, praticamente, não sofrem com a marcação a mercado e são positivamente impactados pelo alto patamar dos juros”. 

No caso dos títulos indexados à inflação, como o IPCA+, Romano aponta que mesmo com os recentes fechamentos nas taxas, papéis com vencimentos intermediários e longos trazem um rendimento interessante em um horizonte de médio e longo prazo já que eles oferecem um juro real próximo de 6% ao ano e sem risco de crédito”, adiciona o especialista. 

+ Queda da Selic à vista? É hora de investir no Tesouro Prefixado?

Já os prefixados oferecem boas opções com validade um pouco mais curta, completa o especialista. “Contudo, a classe ainda enfrenta desafios com a piora nas expectativas de inflação de longo prazo, incertezas sobre questões fiscais e a sinalização do BC de que os cortes nos juros não estão tão próximos até que seja assegurado o cumprimento de seus objetivos”.

Como alocar R$ 30 mil com o juro atual?

Gustavo Cruz, estrategista-chefe da RB Investimentos, aponta onde investir R$ 30 mil reais para diferentes perfis de investidores. Veja!

Conservador 

Classe de ativoAbril de 2023Maio de 2023
Pós-fixados70%60%
Pré-fixado20%30%
IPCA+10%10%

Moderado

Classe de ativoAbril de 2023Maio de 2023
Pós-fixados40%30%
Pré-fixado20%30%
IPCA+10%10%
Multimercado20%20%
Renda variável10%10%

Avançado

Classe de ativoAbril de 2023Maio de 2023
Pós-fixados25%15%
Pré-fixado15%25%
IPCA+10%10%
Multimercado20%15%
Renda variável25%25%
Internacional0%5%
Fundo imobiliário 0%0%
Alternativos 5%5%

Como escolher bons investimentos com o juro atual?

A Selic está próxima da máxima dos últimos 10 anos, em 13,75%, já algum tempo. Isso atrai o investidor para a renda fixa e tende a prejudicar o mercado de renda variável, diz Lucas Rufino, CEO e Fundador da Simpla Invest.

Ainda que o BC tenha demonstrado que o corte de juros não acontecerá prontamente, as expectativas do mercado apontam para cortes na taxa já no próximo semestre.

+ Onde investir para a reserva de emergência: Tesouro, CDB, fundo, LCIs, conta remunerada ou ETF?

Rufino aponta que, para prazos mais curtos, o ideal são títulos de renda fixa atrelados à Selic ou ao CDI. “Eles garantem ao investidor uma rentabilidade próxima à taxa de juros, que já está em patamares vantajosos”.

O fundador da Simpla Invest explica que, para prazos mais longos, investir em ativos de renda variável, como ações e fundos imobiliários, podem ser boas opções. “Os preços desses ativos estão muito pressionados devido à instabilidade política e a própria taxa de juros”.

O melhor momento para comprar ações e fundos imobiliários é justamente quando o mercado está em baixa, complementa. “Temos muitos fundamentos que nos levam a crer que o preço atual está bem atrativo para esse tipo de investimento”, afirma.

Para entender mais sobre investimentos macroeconomia, confira os conteúdos gratuitos do Hub de Educação Financeira da B3.

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias