Mercado

Zona do Euro, FMI, OMC, OCDE: quem é quem na economia mundial

Os organismos da economia mundial regulam o comércio entre os países e dão as diretrizes sobre como o mercado global deve se comportar

Bandeiras hasteadas de vários países onde as empresas estrangeiras vendem papéis de ações via BDR. Intercâmbio. Foto: Adobe Stock
O mundo globalizado conta com investimentos que alcançam toda a economia mundial. Foto: Adobe Stock

Por Guilherme Naldis

As organizações internacionais têm um papel importante na vida política do mundo inteiro. As dedicadas à geopolítica, diplomacia e direitos humanos, como a ONU e a Cruz Vermelha, você já deve conhecer. Mas, você sabia que existem instituições globais dedicadas à regulação e manutenção da economia mundial?

Muitas delas surgiram durante o século passado, quando o processo de globalização se intensificou. Em outras palavras, a conexão entre os países aumentou e suas economias se tornaram mais dependentes umas das outras. Por isso, alguns países se reuniram em blocos econômicos, baseados em proximidade e interesses comerciais. Ou seja: as vizinhanças continentais começaram a se organizar para comprar e vender entre si, e surgiram grupos como a União Europeia, o Mercosul, na América do Sul e o USMCA, na América do Norte.

+ Entenda a importância da visita de Lula à China, maior parceiro comercial do Brasil

Todo esse entra e sai de dinheiro entre países fez com que fosse necessário criar algumas entidades dedicadas a regular o mercado internacional e expandir as suas boas práticas pelo globo. Entre elas, se destacam o Fundo Monetário Internacional (FMI), o Banco Mundial e a Organização Mundial do Comércio (OMC).

Mas, e aí? O que cada uma dessas organizações faz, exatamente? Bora entender!

100 dias de Lula: compare o desempenho do Ibovespa no início de cada governo

Sobre nós

O Bora Investir é um site de educação financeira idealizado pela B3, a Bolsa do Brasil. Além de notícias sobre o mercado financeiro, também traz conteúdos para quem deseja aprender como funcionam as diversas modalidades de investimentos disponíveis no mercado atualmente.

Feitas por uma redação composta por especialistas em finanças, as matérias do Bora Investir te conduzem a um aprendizado sólido e confiável. O site também conta com artigos feitos por parceiros experientes de outras instituições financeiras, com conteúdos que ampliam os conhecimentos e contribuem para a formação financeira de todos os brasileiros.

Últimas notícias